quinta-feira, 7 de junho de 2012

BarcelonAmor
















Barcelona.
É como se fosse a minha 3ra casa, desde pequena que lá vou - os meus pais iam em trabalho diversas vezes por ano e levavam-me sempre, agora que sou crescida tento continuar este ritual umas vezes com eles, outras vezes com o namorado, outras com a minha homónima.
Estive lá a meio de abril e como a minha homónima já não ia lá desde a nossa viagem de finalistas no 9ºano, tive que visitar pela milionésima vez sítios como a Sagrada Familia, o Park Guel, a casa Batló entre outros. Não que me importe, são locais excepcionais em qualquer altura e dignos de serem visitados o máximo de vezes possível, no entanto o que mais gosto em Barcelona é andar sem destino, perder-me e sentar-me numa esquina ou numa esplanada apenas a desfrutar o ambiente e a energia da cidade. Acredito que isto só possa ser feito quando já não se sente aquela obrigação de ir aos locais turísticos, porque até fica mal dizer que não se foi... Eu já não sinto essa obrigação, mas sinto a necessidade de passar lá mais tempo, de aproveitar e de passear - porque sei que vou reencontrar aquela lojinha maravilhosa que tinha descoberto por acaso na última vez que lá tinha estado, ou aquele bar com as melhores tapas..!

3 comentários:

melody disse...

Como te compreendo... Tenho exactamente esse sentimento mas com Veneza... O de me perder na cidade, de sentir que já faço parte e que já conheci tudo o que de turístico havia para conhecer. E sabe tão bem quando criamos essa ligação com uma cidade tão bonita e que se torna tão nossa.
Tenho saudades de Barcelona... E eu ainda não posso dizer que sinto Barcelona assim, tão minha... :P *

vanessa disse...

Barcelona será para sempre um dos meus destinos favoritos. Vivia lá perfeitamente***

Raqs disse...

Uma cidade que eu ADORO! Tenho que lá voltar em breve :)